Relaxe na férias

Está com as malas prontas para aquele paraíso, mas não consegue tirar os problemas da empresa da cabeça? Muita gente sofre deste mal. Especialistas dizem que é normal, até certo ponto, demorar um pouco para se desligar do trabalho nas férias. Mas isso não pode se prolongar a ponto de impedir o profissional de aproveitar aquele (raro) período no ano de total liberdade e lazer com a família e amigos. O fato é que o avanço da competitividade somado à dificuldade de delegar tarefas e à crença de que somos indispensáveis, mais o fator tecnologia, faz com que muitos profissionais não consigam tirar a mente do trabalho.

O resultado disso pode ser insônia, estresse crônico, síndrome do pânico e até um burnout (espécie de colapso físico e emocional, aliado a depressão). De qualquer forma, não conseguir se desligar e recarregar as energias acaba tornando o profissional menos produtivo: sua criatividade diminui, a paciência acaba e os conflitos aumentam. Isso sem falar nos relacionamentos afetivos, que acabam se desgastando: afinal, ninguém aguenta conviver com quem só sabe falar e pensar em trabalho.

Para evitar essa sobrecarga, consultores de recursos humanos aconselham medidas como planejar as férias com antecedência, delegando suas tarefas a alguém de confiança. Outro fator importante é evitar ligar para a empresa e acessar e-mails corporativos durante o período – se for inevitável, faça-o em horários pré-determinados. Se tiver um celular corporativo, deixe-o desligado. Deixe com a empresa apenas um contato para emergências. E lembre-se de que a empresa sobreviverá sem você. Na maioria das vezes, somos nós mesmos os responsáveis por este tipo de atitude. Férias devem ser o momento de relaxar e recarregar as energias, senão a pessoa vai acabar sofrendo com isso no futuro.

Fonte: O Globo

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Be Sociable, Share!

Deixe uma resposta