Os MBAs que as empresas preferem

Apenas dois cursos de MBA brasileiros aparecem em um ranking criado recentemente, que lista as escolas de negócio prediletas dos empregadores. A Business School São Paulo e a Fundação Getulio Vargas aparecem, respectivamente, em terceiro e quarto lugares na lista de MBAs preferidos das empresas na América Latina. O ranking é liderado pela EGADE Business School, campus Monterrey (México), que saiu da quinta posição em 2011 para a primeira neste ano, e pelo MBA da Pontifícia Universidade Católica do Chile, em segundo.

Na lista da elite global dos MBAs, formada por 39 escolas, 15 são dos Estados Unidos. Depois aparecem Canadá (7), Reino Unido (3), Espanha (3), França (2), Cingapura (2), Suíça (2), Alemanha (1), Itália (1), Irlanda (1), Dinamarca (1) e Índia (1).

De acordo com os responsáveis pelo estudo, “em nível global, em termos de reconhecimento dos empregadores, há três instituições proeminentes: Insead (França), Harvard Business School (EUA) e London Business School (Reino Unido)”. Apesar de todas as escolas de negócios classificadas como ‘elite global’ serem cobiçadas por empregadores em todo o mundo, essas três instituições têm um grau de reconhecimento muito maior do que o de seus rivais.

A pesquisa foi feita com 3.305 empresas que contratam ativamente pessoas que fizeram MBA. Eles indicaram as escolas que eles levam em consideração na hora de contratar um funcionário com essa formação –empregadores que contratam apenas candidatos do próprio país não foram considerados.

Baseada no estudo, a Folha de S. Paulo fez um levantamento de que características deve-se buscar na hora de escolher um MBA. Confira (clique para ampliar):

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Be Sociable, Share!

One thought on “Os MBAs que as empresas preferem

  1. Fiquei surpreso de não ver o MBA da COPPEAD incluído nesta relação. Aliás, além de cursos da MBA a COPPEAD – incluída entre as 100 melhores do mundo pelo FT – tem o curso de mestrado tradicional que dura dois anos.

Deixe uma resposta