O que não dizer no trabalho

No mundo corporativo, há um código de comportamento que pode definir como os outros o interpretam – e respeitam. Neste código, expressões e palavras ocupam um lugar de destaque, quando utilizados com frequência e fora do contexto. Linnda Durre, consultora, psicóloga e autora do livro “Surving Toxic Workplaces” (Sobrevivendo a Locais de Trabalho Tóxicos, em tradução literal), publicou um artigo na Forbes listando as piores frases que um profissional pode dizer no trabalho.

Mais do que analisar se costuma dizer alguma destas expressões, é importante o profissional avaliar se tem o comportamento implícito nelas, o que é extremamente prejudicial a sua imagem dentro da empresa. Vamos conferir a lista que Linnda elaborou:

1. Vou tentar
O que realmente significa:
“não quero fazer, mas não vou dizer isso agora”
Como driblar:  A consultora sugere que o profissional demonstre paixão pelo que faz. Ainda que o projeto não dê certo, a culpa não será da falta de comprometimento do profissional.

2. Tanto faz
O que realmente significa:
“quero me livrar desta proposta logo”
Como driblar: evite esta expressão a todo custo. Na opinião de Linnda, utilizá-la cria um muro entre você e a pessoa para quem você respondeu. Se não confia em uma proposta, há outras maneiras de dizê-lo.

3 e 4. Talvez e Eu não sei
O que significam:
“não quero tomar uma decisão”
Como driblar: Assumir que não sabe uma tarefa é um gesto nobre, desde que venha acompanhado de proatividade em querer aprender e solucionar a questão. Utilizar com frequência expressões assim denota uma tentativa de repassar a tarefa a outro profissional.

5. Eu te dou um retorno
O que significa:
“quero adiar o andamento deste projeto”
Como driblar: Ao dizer que dará um retorno, dê uma estimativa de data ou horário. Quem precisa de um retorno está ansioso pela informação, e ficará mais seguro se receber uma data.

6. Se
O que significa:
“quero jogar a culpa nos outros”
Como driblar: evite usar a palavra em um contexto específico, como “se o Fulano fizer a parte dele, eu faço a minha“. É preciso entender que cada um tem sua parte – e não se apoiar nisso.

7. Sim, mas…
O que significa:
“não quero me envolver no projeto”
Como driblar: pergunte a si mesmo se, ao dizer “sua ideia é ótima, mas…”, está listando obstáculos reais ou apenas se apoiando para não participar da execução de um projeto.

8. Eu acho…
O que significa:
“não me importo o suficiente”
Como driblar: “Eu acho” pode ser interpretado como o famoso chute. A melhor forma de driblar esta expressão é checar dados, verificar e retornar com a certeza.

9. Vamos ver
O que significa:
“quero evitar confronto”
Como driblar: para Linnda, esta frase é conhecida de todos nós desde quando éramos crianças. Lembra do quanto era frustrante pedir autorização para um passeio e ouvir seu pai responder “Vamos ver“? Não repita esta experiência no trabalho, seja você chefe ou subordinado. Dê explicações claras e, se precisar de um tempo para decidir, combine um retorno e o cumpra.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Be Sociable, Share!

Deixe uma resposta