Ignore sua caixa de entrada

É uma cena comum: o sujeito checa a caixa de e-mail imediatamente antes de deitar e logo no momento em que acorda. Além disso, olha discretamente para o smartphone durante as reuniões, só para ter certeza de que não está deixando passar nada urgente que precise de sua atenção, e quando o celular apita com uma nova mensagem, para tudo para verificá-la. Isso proporciona uma sensação de controle que pode, a curto prazo, fazer bem para o profissional. Mas você já parou para pensar que a sua caixa de entrada pode estar controlando sua vida? Que tal considerar ignorá-la?

Antes de se assustar com a proposta, pense que a enxurrada de mensagens que chegam a nós todos os dias podem distrair de tarefas importantes e atrapalhar a produtividade. Mas, segundo especialistas, o caminho para garantir que ela não se torne inimiga da produtividade é desenvolver uma estratégia que não impeça a comunicação com as pessoas e, de quebra, ainda evite distrações desnecessárias.

e-mail-produtividade

Imagem: internet

Profissionais atuais até se orgulham de ter desenvolvido a característica de ser multitarefa, mas eles podem também cair em obstáculos, ao invés de caminhos para a eficiência. O New York Times já publicou informações dando conta de que a ciência já comprovou que o ato de verificar constantemente o e-mail dificulta, e muito, o fluxo de trabalho. A solução? Tratar a checagem da caixa de entrada como qualquer outra tarefa rotineira, com um tempo específico designado a ela.

Outras estratégias podem funcionar bem para o propósito, já que trata-se do gerenciamento de expectativas e limites. Ao checar o e-mail, é possível entender se uma mensagem requer uma resposta imediata. Se for o caso, deve-se responder de forma responsável, mas, caso contrário, não faz sentido parar tudo o que se está fazendo para disparar uma mensagem que pode esperar algumas horas.

Educar os colegas de trabalho, empregados e amigos também é uma boa ideia. Vale explicar que, se algo é urgente, é necessário receber um telefonema, uma mensagem instantânea ou um SMS, já que os e-mails não serão checados a toda hora. Fora isso, alterar as configurações do smartphone para não apitar a cada chegada de mensagem é uma solução imediata e muito útil. Se parece muito difícil, a princípio, ignorar sua caixa de entrada, comece dando pequenos passos e refletindo a cada pausa na produção para ler uma nova mensagem. Seus resultados agradecem!

Informações: TrackVia

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Be Sociable, Share!

2 thoughts on “Ignore sua caixa de entrada

  1. Concordo !
    Idealmente os profissionais e executivos de alto desempenho devem estabelecer uma rotina onde os emails serão verificados em momentos específicos no decorrer do dia. Não há uma regra única se a frequência deve ser 3, 4 ou mais vezes ao dia, mas é certo que se não estabelecer (e seguir) uma regra, a distração será eminente.

  2. – Já tinha conhecido estes dados do tema, mas foi muito bom ser lembrado novamente.

    – Acho que a verificação constante das notificações do correio eletrônico é uma fuga das questões diárias que exigem decisões mais complicadas e trabalhosas. Uma desculpa íntima prá se livrar momentaneamente deste incômodo. Pode se tornar um mau hábito e realmente prejudicar o desempenho.

Deixe uma resposta