Você sofre de hiperconexão?

Se você está sempre conectado e não consegue se desligar do computador e do smartphone nem nos momentos de descanso e lazer, fique atento. Estes são alguns indícios do que é chamado de hiperconexão. Em um mundo super conectado, praticamente 24 horas por dia, muitas pessoas já sofrem deste mal.

Nos Estados Unidos o vício já foi batizado de iDisorder e o assunto já rendeu até um livro chadao Sleeping with your Smartphone (Dormindo com seu smartphone). Nele, a autora e professora da Harvard Business School, Leslie A. Perlow, conta casos de executivos que sofrem de um tipo de insônia em que chegam a acordar até três vezes por noite para checar seus e-mails.

Imagem: Livro iDisorder

A ideia que se tem hoje é de que o computador e o smartphone são como uma droga para alguns usuários, de acordo com neurocientistas da Universidade da Califórnia. Eles afirmam que a ansiedade é a causa mais comum deste hábito, que afeta hoje mais de 40 milhões de pessoas.

Esses distúrbios acontecem porque nos tornamos viciados em estímulos. Quantos mais o cérebro os recebe, mais estímulos ele quer receber, formando um ciclo vicioso. Desde modo, os indivíduos que têm sintomas de hiperconexão precisam estar sempre em busca de alguma novidade. A boa noticia é que estudiosos já conseguiram identificar a causa neurológica do problema e estão pesquisando por tratamentos adequados. Por ora, o conselho para evitar o vício é o autocontrole, por exemplo, estabelecendo horários de lazer onde telefonemas de trabalho e e-mails não terão lugar.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Be Sociable, Share!

Deixe uma resposta