O básico da escrita corporativa

No meio corporativo, quanto mais se escreve, melhor a impressão passada, certo? Errado. Escrever de forma inteligente é uma unanimidade no meio de trabalho, mas isso não significa que se deva ser prolixo. Ao usar uma linguagem simples, clara e seguir algumas regras básicas, o profissional pode se tornar um comunicador melhor e até alavancar a carreira.

A Forbes Brasil deu diversas dicas sobre o assunto e os especialistas ouvidos pela publicação afirmam que a clareza é a característica mais importante para escrever em situações de negócios. Muitas vezes, as pessoas usam palavras difíceis porque querem parecer inteligentes, mas acabam dando a impressão de estarem “forçando a barra”. o ideal é começar com uma escrita curta e utilizando sentenças pontuais. Dicas importantes: nunca use palavras grandes quando pode usar pequenas, edite e, se não precisar de uma determinada palavra, corte-a.

Imagem: internet

Os especialistas vão além. Para eles, nunca se deve usar palavras estrangeiras, científicas ou qualquer jargão que tenha um equivalente em português. Apesar de, às vezes, passar a impressão de uma linguagem bonita, manter-se fiel à norma culta é a melhor forma de se expressar de forma mais clara. Além disso, sempre preze pela especificação, por exemplo, em vez de falar “a situação atual”, explique o que isso significa.

A matéria explica também que, quando se escreve um e-mail, é necessário explicar o seu ponto e seguir em frente. Se a ideia principal não estiver contida no primeiro parágrafo, é melhor reescrever de forma a colocá-la lá. Segundo uma professora de comunicação da Faculdade de Administração do MIT, também consultada pela publicação, “simplicidade não significa simplicidade de pensamento.

Por fim, a principal regra da escrita corporativa (e não apenas dela): tudo isso deve ser acompanhado, claro, de uma gramática correta. É imprescindível evitar qualquer erro de escrita ou concordância.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Be Sociable, Share!

Deixe uma resposta