Maioria não quer o lugar do chefe

Reclamar do chefe pode fazer parte da rotina de muita gente, mas a maioria dos funcionários americanos reconhece que há uma diferença entre falar e fazer. Segundo uma pesquisa da OfficeTeam, agência especializada em pessoal administrativo, são poucos os que trocariam de lugar com seu superior e os que acham que fariam um trabalho melhor se estivessem na posição de líder.

Cerca de três quartos dos mais de 400 funcionários de escritórios consultados (76%) não têm interesse nenhum em estar na vaga dos seus gestores e 65% acreditam que se sairiam pior do que os seus chefes na rotina de trabalho. Mas a pesquisa também mostrou que os números divergem de acordo com a idade dos funcionários. Entre profissionais de 18 a 34 anos, 35% admitem interesse na vaga de seus gerentes. Já entre colaboradores de mais de 55 anos, o número de interessados cai para 8%.

Fonte: Valor Econômico

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Be Sociable, Share!

Deixe uma resposta