Executivos brasileiros se alimentam mal

Os executivos brasileiros não mantêm uma alimentação saudável: 95,5% não fazem refeições equilibradas no dia a dia. Além disso, 44% são sedentários e 31,7% têm índice elevado de estresse. Os achados são da empresa de assistência médica Omint, que considerou uma amostra formada por 15 mil profissionais da média e alta gerência de grandes companhias.

O levantamento também mapeou as doenças mais comuns desse tipo de profissional. A ansiedade é a que mais cresceu de 2009 a 2012 — período compreendido pela pesquisa. A incidência de sintomas da doença aumentou de 14,8% para 18,20%. O responsáveis pelo levantamento afirmam que os executivos sofrem bastante estresse, um dos fatores que acelera o desenvolvimento de doenças crônicas.

Imagem: internet

Poluição e manutenção inadequada do ar condicionado no ambiente corporativo colocaram a rinite alérgica no topo do ranking das doenças mais recorrentes — 29% dos executivos são afetados por ela. Alergia de pele é a segunda mais incidente, com 22,4% do total.

É difícil mudar os hábitos drasticamente, mas pequenas mudanças de alimentação podem surtir grandes efeitos. Uma dica interessante é diminuir a quantidade de manteiga e margarina. Uma pequena quantidade que você deixa de ingerir pode diminuir bastante a chance de ter uma doença cardiovascular no futuro, por exemplo.

Fonte: Folha de S. Paulo

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Be Sociable, Share!

Deixe uma resposta