De onde vem a sua motivação?

Antes de responder à pergunta do título, é importante saber as diferenças entre a Motivação Intrínseca (a que vem de dentro) e a Motivação Extrínseca (a que vem de fora – de outras pessoas ou do ambiente). Superar seus limites e entregar acima do esperado tem a ver com o sentido que se dá àquilo que ele faz.

Tendo em vista que motivação é algo pessoal, então, o que se pode fazer para melhorar a performance no trabalho? O blog O Líder Acidental dá as dicas:

Imagem: Internet

Autonomia – Realizar tarefas da forma que mais dá mais prazer causa uma ótima sensação de controle, o que é bom quando se trabalha sozinho e com atividades rotineiras. Quando se trata de um trabalho em equipe, o auto direcionamento funciona melhor.

Aprimoramento – A vontade de fazer sempre o melhor transforma-se em motivação, fazendo, ainda, com que a vontade de aprender mais a cada dia tenha um impacto positivo na sua vida. Além do desafio intelectual do próprio aprendizado, o compartilhamento de informações no ambiente corporativo torna-o muito mais estimulante e menos tedioso.

Propósito – Compreender de que forma o seu trabalho se encaixa dentro da organização – independente do tamanho ou proporção de ambos – dá um sentido para tudo aquilo que faz e faz com que você entenda sua importância dentro da organização.

A conclusão é que empresas que investem em motivação apenas financeira, por exemplo, acabam ficando pra trás, enquanto as que motivam seus funcionários com bons ambientes de trabalho, cursos de aprimoramento e processos decisórios mais flexíveis estão em ascensão.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Be Sociable, Share!

Deixe uma resposta