Dados do emprego formal no Brasil

O Brasil gerou 2.320.753 postos de trabalho com registro em carteira entre os meses de janeiro a novembro de 2011, equivalentes a expansão de 6,46% em relação ao estoque de empregos de dezembro de 2010. O resultado foi o segundo melhor na série do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) para o período, sendo menor apenas do que em 2010, quando foram abertos 2.918.549 novos postos. Somente em novembro, foram criados 42.735 empregos formais, alta de 0,11% em relação ao estoque de empregos celetistas do mês anterior.

É importante ressaltar que o resultado dos meses de janeiro a novembro de 2011, considerando a série ajustada, foi bastante favorável ao atingir a criação de mais de 2,3 milhões de empregos, o segundo melhor desempenho da série histórica para o período. Porém, os dados do CAGED, no mês de novembro, ao apontar a criação de 42.735 postos de trabalho, mostram que o emprego formal continua crescendo, confirmando, porém, uma diminuição de dinamismo que já vinha sendo sinalizada nos últimos meses. Esse comportamento pode ser justificado, em parte, pela presença de fatores sazonais, como também, conjunturais, em razão da repercussão dos efeitos da crise internacional, explica o ministro interino do Trabalho e Emprego, Paulo Roberto dos Santos Pinto.

Fonte: Ministério do Trabalho

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Be Sociable, Share!

Deixe uma resposta